Como instalar tomada USB e HDMI?

Provavelmente você chegou até aqui porque está precisando aprender a instalar tomada USB e HDMI, certo?

Hoje em dia é bastante comum aparelhos que são ligados através de um cabo USB.

Como exemplo, podemos citar celulares, dispositivos E-Reader, controles para videogames e aparelhos de vídeo e muitos outros…

E as transmissões por HDMI, então, para se ter uma qualidade incrível de imagem!?

De fato, faz muito a diferença!!!

Mas não se preocupe!

Hoje eu vou te ensinar o passo a passo de como realizar a instalação dessas tomadas pra uso próprio ou para você causar aquele “brilho no olho” do cliente!

  • Parece que não, mas é de uma utilidade incrível ter uma tomada dessas em casa!

Imagina você comprando aquele celular dos seus sonhos, mas o aparelho vem sem a “caixinha” de carregar!

Terrível, não é?

Para que você não sofra com um problema similar, vamos te ensinar a como instalar tomada USB e HDMI na sua residência.

Considerações Técnicas antes de instalar tomada USB

Antes de colocarmos a mão na massa, iremos analisar alguns requisitos importantes que fazem diferença no resultado final.

É importante lembrar que se você não possui habilidades para trabalhar com equipamentos elétricos ou, ainda que tenha tais habilidades, não se sente seguro para realizar esta tarefa, consulte um profissional habilitado!

Acredite em mim: “é mais barato que consertar uma casa que pegou fogo por instalação mal feita!”

Por isso, muitas pessoas tem CLICADO AQUI e aproveitado a oportunidade de entender mais sobre o mundo elétrica.

Como são as tomadas USB?

Via de regra, AS TOMADAS USB encontradas no dia a dia são BIVOLT.

Em outras palavras, através de um conversor, elas transformam os 127 ou 220 Volts (AC) para 5 Volts (DC).

Isso ocorre porque a maioria dos dispositivos eletrônicos, como é o caso dos celulares e tablets, necessitam desse nível de tensão para serem carregados.

As tomadas USB mais comuns utilizadas transferem corrente de 0,5 a 2 Ampéres/hora.

E quanto maior o nível da corrente, maior será a velocidade de carregamento.

Então, preste muita atenção no momento em que for adquirir esses módulos!

Como instalar tomada USB na parede?

Quanto a instalação da tomada USB, tudo é bem simples.

O procedimento, de uma forma geral, é bastante similar ao processo de instalação de uma tomada comum!

Não há nada de complicado ou impossível neste passo a passo!

Passo a passo

A primeira coisa que você DEVE FAZER para evitar riscos na sua instalação é desligar a chave geral da sua residência. Isso é fundamental para ter a plena certeza que você não está trabalhando com circuitos elétricos energizados.

É importante, também, estar devidamente equipado com equipamentos de proteção individual e coletivo para evitar acidentes indesejáveis com você e todos à sua volta.

Você pode ver bastante discas interessantes sobre segurança individual e coletiva na execução de trabalhos com energia elétrica no canal de Segurança no Trabalho da ENGEHALL.

O próximo passo é retirar o conjunto antigo, desparafusando o espelho e o suporte por onde passa os fios de eletricidade.

Para o caso de você estar substituindo essa tomada.

Faça a decapagem dos cabos e ligue fase-neutro para circuitos monofásicos ou fase-fase para bifásicos nos respectivos bornes que, em geral, vem sinalizados de fábrica.

Nessa conexão, você pode colocar fita isolante, conector ou outro tipo de terminal na emenda de prolongamento, que é sempre indicada por profissionais da área.

Feito isso, agora é só fazer o fechamento da tomada para ver se está funcionando corretamente.

Caro leitor, a recomendação aqui é nunca fazer nenhum tipo de “gambiarra” nesse tipo de instalação, pois pode ocorrer o mau funcionamento da entrada USB podendo, inclusive, queimar o seu aparelho eletrônico.

Como sugestão, deixo este vídeo para você ver na prática como fazer todo o procedimento. Basta CLICAR AQUI para assistir!

Será que essa tomadas consomem mesmo sem aparelhos conectados?

Há um questionamento muito grande se as tomadas USB consomem ao estarem ligadas a rede elétrica, mesmo que não estejam carregando algum dispositivo.

E a resposta é sim!!!

O fato de ser uma fonte conversora e rebaixadora de tensão já gasta energia.

Mas, a grosso modo, uma tomada USB comum gasta em média 8 centavos ao mês.

Isso é menos que deixar o carregador conectado direto a tomada o tempo todo, tirando o risco disso.

Por que usar tomadas HDMI?

Em relação às tomadas HDMI, elas são recomendadas principalmente para aqueles locais em que temos diversas TVs conectadas a apenas um decodificador ou em locais em que o decodificador fica muito distante da TV.

Exemplos são bares e academias…

Esteticamente falando, o resultado fica muito melhor!

Isso, caro leitor, vai ajudar muito a não deixar todos aqueles cabos expostos e atravessados.

Sem falar que vai tirar aquela aparência de “gambiarra”!

Além de que se alguém esbarrar em um desses cabos HDMI atravessados, pode inclusive causar a queda do seu televisor.

Já imaginou?

Instalação e funcionamento da tomada HDMI

O funcionamento da tomada HDMI é mais simples ainda do que a tomada USB, pois ela só retransmite o sinal sem realizar qualquer tipo de conversão.

A instalação também é bem simples, pois você colocar os módulos HDMI nas tomadas e conectar o cabo HDMI nessas extremidades.

Para facilitar ainda mais, eu sugiro que também utilize uma curva HDMI 90 graus ou um adaptador 180 graus na parte interna dessas tomadas.

E na hora de passar o cabo, verifique se o eletroduto é de 1 polegada, pois, em eletrodutos de ¾ ou inferiores, você pode ter uma dificuldade para passá-lo por causa do conector HDMI.

Mas caso o instalador queira utilizar em eletroduto menor, ele pode fazer a passagem do cabo HDMI sem o conector e posteriormente realizar a crimpagem.

E você também pode utilizar o extensor HDMI, que, através do cabo de rede, leva o sinal HDMI a longas distâncias sem perdas de qualidade de áudio e vídeo full HD e também facilita a passagem do cabo em tubulações.

Conclusão – Vale muito a pena!

As tomadas USB e HDMI de parede custam em média entre 20 e 50 reais, e são soluções alternativas que os profissionais podem propor ao cliente, certo?

Inclusive fica fácil perceber que se trata de um profissional diferenciado e que anda sempre antenado em relação às novidades da área elétrica.

Concluindo, instalar tomada USB e HDMI é uma alternativa simples e fácil para superar o problema de carregar e transmitir muitos aparelhos em um ambiente que não possui essa fonte.